E quando vocês pensam que os posts sobre fotografia terminaram, eis que surge mais um. Eu sei, já estão a pensar “outra vez!? mas ela não fala sobre outra coisa?!”. Pois, e com razão. Mas como já disse antes, quando o amor é a sério, ficamos felizes com qualquer novidade! 
E eu estou mais que maravilhada com esta…
Já há uns dias que a Lomo andava a publicitar o lançamento de um novo brinquedo… 
Enquanto eu esperava mais uma simples analógica, sem grandes novidades, eis que surge a LomoKino, que é nada mais nada menos do que uma máquina de filmar analógica – sim, analógica! 
A LomoKino é esta coisa lindinha que faz filmes de 144 frames em rolos de 35mm. E não podia ser mais simples – coloca-se o rolo e simplesmente roda-se a alavanca! That’s it. Podemos ir controlando quanto “espaço” ainda temos disponível na lateral da máquina e, como habitual, podemos sempre ir vendo como estão os nossos frames no topo. 
E no final teremos um filme lindinho, sem som, sem efeitos especiais, sem pós-producções. Analógico e em bruto, mas com aquele encanto que só a fotografia analógica nos dá.
Vejam aqui um exemplo:

Eu estou encantada com esta novidade, para variar. E não me importava nada que fizesse parte da minha colecção. O melhor de tudo? É bem mais acessível do que estaria à espera – 65€ por esta menina. Seria de esperar um preço bem mais elevado, acho eu! Mas ainda bem que assim não o é! 

Acho que o meu Pai Natal vai ser muito generoso na lomografia este ano… Junta esta à La Sardina e não preciso de mais prenda nenhuma. Já fico uma “criança (bastante) feliz”.