É oficial que 2018 tem sido um ano bom no que toca a novidades musicais. Tenho conhecido um sem-fim de novos artistas e novas músicas que são demasiado bons para não partilhar convosco. A semana ainda agora começou mas já tenho várias novidades que não consigo guardar só para mim.

Preparem o Spotify – vão querer ouvir isto!

#1. // Call Out My Name do The Weeknd

Deixam-me ser muito pseudo? Lembro-me de ser fã de The Weeknd desde a fase da Triology, quando ele veio a Portugal à primeira edição do Primavera Sound – no meu dia de anos, by the way. E confesso que, até ao último álbum, estava de relações cortadas com ele porque senti que se tornou demasiado comercial e muito fora daquilo que é o original Abel Tesfaye. Um Abel que canta cheio de emoção, que canta sobre amor, sobre sexo, sobre drogas. E tudo de forma tão profunda e tão intensa que não dá para desligar…
Com o passar dos tempos, senti que este Abel ficou para trás para dar lugar a algo mais vendável e mais comercial. Até agora.

Um desgosto de amor (graça à Selena!) trouxe um resquício da antiguidade de volta e este é a música que dá mote a isso mesmo. Uma música de coração partido, de alguém que está realmente triste e que sente que deu tudo em troca de nada. I mean, quem não, né? E é impossível não nos identificarmos. Bom regresso Abel, bom regresso!

#2. // OKRA do Tyler, The Creator

Falando em Primavera Sound, é altamente provável que vá ao Porto este ano só para ver o Tyler. Depois de me ter partido o coração quando cancelou a sua vinda ao SBSR do ano passado, fiquei em êxtase quando o confirmaram no Primavera e logo na semana do meu aniversário. Vai ser uma espécie de comemoração e eu tenho a certeza que vou amar.

Esta é a grande novidade do Tyler e é a sua essência pura e dura. Nonsense, com um vídeo brutal e a desejar muito que 7 de junho chegue a correr!

#3. // Broken Clocks da SZA

A Spotify fez um teste, há umas semanas, onde podíamos ver se ouvimos mais música cantada por homens ou por mulheres. O meu resultado, como o da grande maioria, dava prevalência aos cantores e bandas masculinas… Mas a verdade é que, ultimamente, dou por mim totalmente viciada em vozes femininas. E há duas que andam a tocar em loop há meses. A SZA é uma delas. O seu álbum CTRL já se tornou num dos meus favoritos de 2018 (e eu que só agora percebi que ela está no último álbum da Rihanna, logo na primeira música, a Consideration?!) e esta é uma das músicas que mais gosto.

Amor, homens, relações fracassadas e tudo aquilo a que nós nos sujeitamos quando gostamos de alguém. Temas mais do que recorrentes na voz da Solána, como neste Broken Clocks que tem um novo vídeo realizado por ela! Gotta love her!

#4. // All To You da Sabrina Claudio

Por último, uma das melhores descobertas que fiz nos últimos tempos. A Sabrina é mais um daqueles fenómenos que saiu diretamente do YouTube e tem músicas simplesmente lindas! Querem músicas sensuais, cheias de emoção e amor? Então têm que conhecer a Sabrina. Orion’s Belt, Confidently Lost e Unravel Me – recomendo-vos tudo!

A All To You é a mais recente, lançada ontem, e tem uma Sabrina super simples e sensual em frente à câmara, enquanto dedica o seu amor a alguém. É de mim ou a voz dela é quase afrodisíaca?

 

Partilhem comigo as vossas descobertas musicais! Estas – e muitas mais – estão por aqui, na minha playlist de Spotify!