E se a semana passada era o dia do aniversário do Pai, hoje é a Mãe que faz anos. A minha rainha, o meu orgulho e o meu maior role model. Há um ano estava em Itália e não pude estar com ela, mas lembro-me de lhe ter dito que era um orgulho sentir que estava cada vez mais parecida com ela. E continuo a achar o mesmo. As mães são sempre umas mulheres de armas, que suportam tudo e que são capazes de se erguer para lutar e defender a família, mesmo quando as forças já são poucas. A minha fez tudo isso e muito mais. E é a maior relíquia que eu tenho na minha vida. E hoje, é o dia especial de miminhos só para ela. Até porque não é todos os anos que se entra nos 50! Parabéns mamy!
Os meus meses de Janeiro e Fevereiro são recheados de aniversários de pessoas especiais… É uma óptima forma de começar o ano – a mimar quem mais amo. E na próxima semana, já há mais um bem especial – que, felizmente, volto a poder comemorar.