Se há uns meses me queixava que não via cinema suficiente e eram raras as actualizações que tinha para vocês, hoje em dia dou-me ao luxo de escolher quais os filmes de que vos quero falar. Trago-vos mais quarto, mas que não são novidades…

1. Chef – O único dos quatro que foi visto no cinema! Escrito pelo seu actor principal – Jon Favreau – conta a história de um chef conceituado que está limitado criativamente no restaurante onde cozinha. Graças a isso, larga tudo e segue rumo a Miami, onde inaugura uma roulotte de comida e redescobre a felicidade. É um filme meio cliché, sem dúvida, mas que vale umas boas gargalhadas!

2. Black Swan – Sim, estava demasiado atrasada e ainda não o tinha visto. Mas as primeiras 10h num avião serviram para isso mesmo: pôr filmes e séries em dia! E o Black Swan foi o primeiro a ser actualizado. Dispensa apresentações ou qualquer tipo de sinopse, mas merece todo o buzz que existiu em torno de si mesmo. É um filme absorvente, que chega a ser violento e que nos faz querer ver mais e mais e mais…  

3. 12 Years of Slave – Mais um que estava pendente há uns meses e que compensou a espera. Depois de uma actividade relacionada com o racismo e a discriminação, há muito que os miúdos pediam uma noite de cinema – e juntámos o útil ao agradável. Um filme forte, que não deixa margem para pestanejar sequer, com uma realidade violenta que aperta no coração. É uma autobiografia de Solomon Northup, um homem sequestrado em 1841 e vendido como escravo que, durante 12 anos, trabalho no Louisiana até à sua libertação. Vale a pena ver!
4. Adam – Este foi o filme eleito para o segundo voo de 10h – no regresso a casa! É um filme de 2009 que tem o Síndrome de Asperger como temática central. Adam, com as dificuldades sociais que são características desta perturbação, vive sozinho num apartamento em Nova Iorque, isolado do resto do mundo – até conhecer a sua vizinha, Beth. De uma relação cheia de opostos, a compreensão e a ligação que existe entre eles acaba por prevalecer, criando todo um enredo que vale a pena ver. Uma história de amor diferente. 
E por falar em cinema, e porque nem sempre posso ver os filmes no cinema, as novas pipocas Popz Sweet & Salty substituem qualquer pacote de cinema! São estaladiças, pouco calóricas e muito saciantes! Com a vantagem de ficarem prontas em apenas alguns segundos, sem desarrumar nada e usando apenas o microondas! Para ver séries ou filmes em casa, já não passo sem elas… Nham!