Uma das coisas que aprendi a ser menos descuidada ultimamente foi com o cuidado das mãos. Com o frio, fico sempre com pequenas frieiras e pequenos golpes na pele de tão secas que ficam as minhas mãos. 

Juro-vos que nunca compreendi o porquê das senhoras, especialmente nos transportes públicos, puxarem do seu creme das mãos e besuntarem-se constantemente. Aquilo fazia-me uma certa confusão porque ficava sempre a pensar que depois não podia mexer em mais nada por ter as mãos cheias de creme. Até que me apercebi que o problema é que andei sempre a utilizar os cremes de mãos errados. O que eu precisava era de um bom creme que não me deixasse as mãos cheias de gordura e que fosse bem absorvido pela pele.

 
O Hand Food da Soap & Glory veio comigo de Londres. Comprei-o numa das imensas Boots espalhadas pela cidade e já faz parte da minha rotina antes de me deitar. Tem um cheirinho delicioso a marshmallow que se mantém nas mãos muito depois da pele o absorver. O de Lavanda e de Iris da Crabtree & Evelyn também vieram de Londres com a promessa que seriam um miminho para a minha mãe. Vá, ela ficou com os outros dois e eu acabei por resgatar estes para mim… São os que andam comigo dentro da mala e que já não dispenso! Por último, o da Caudalie também é daqueles que vou ao quarto da mãe roubar… Não é de uso diário, mas de vez em quando lá dou um saltinho ali ao quarto do lado para hidratar as mãos. Sejamos sinceras, quem é que nunca foi ao quarto da mãe roubar um ou outro produto…?

Tags