Depois de passar cinco dias em pânico por um vulcão que resolveu entrar em erupção quando eu pisava solo britânico, algo me dizia que não seria assim que eu iria ficar a conhecer Londres. Algo me dizia que, mais cedo ou mais tarde, iria acabar por voltar e ter a viagem que merecia. 
Depois de tanto falar da cidade nos últimos tempos e de tantos planos que saíram furados para lá voltar, a recompensa chega, (quase) três anos depois. E como tal, segunda feira estarei de volta a Lisboa… Porque até lá, hello London! Que venha o frio, que venham os dias cinzentos, que venha a boa companhia.