Fotografia: Kate La Vie

Os últimos meses de 2016 foram mais cansativos do que eu esperava. Mudança de casa, mais exigência no trabalho e um blog mais cheio (hello, calendário do advento!) resultaram num cansaço extremo… Mas a verdade é que eu tive que aprender a lidar com ele e a criar mecanismos para o contrariar, porque o mundo continua independentemente do nosso cansaço.

Embora agora esteja tudo mais calmo – nada como uns bons dias de time of – aprendi que há várias coisas que nos ajudam a atenuar o cansaço. E como sei que a cafeína não é amiga de toda gente (muito menos nas quantidades que eu andava a consumir…), resolvi partilhar convosco algumas das estratégias que vos podem ajudar a ultrapassar o cansaço.

#1. // Pastilhas – Lembro-me de ser miúda e já ter a minha dentista a reclamar com a quantidade de pastilhas que eu habitualmente comi… E foi o um hábito que nunca perdi, apenas optei pelas sugar free para não me estragarem os dentes. A verdade é que é das coisas que mais me desperta e me deixa alerta. Depois de procurar saber o porquê, percebi que mascar pastilha ajuda a aumentar o ritmo cardíaco e aumenta os níveis de cortisol, relacionados com a nossa energia!

#2. // Levantar-me da cadeira – Descer para apanhar ar, ir até à cozinha encher a caneca com chá ou ir até à casa de banho. Estar sentada dá-nos alguma inércia e algum brain fog que desaparece ao nos levantarmos, já que damos ali um boost ao nosso metabolismo e quase o obrigamos a acordar e a recuperar o seu funcionamento. E há até, quem diga, que é uma boa forma de estimular a criatividade!

#3. // Cantar – Claro que, dependendo de onde estão, não vão poder encarnar a Adele no seu esplendor e abrir a guela às suas músicas. Mas o facto de cantarem, trautearem ou apenas mexerem o corpo ao som de uma música, deixa-vos mais alertas do que estarem apenas a ouvir a música. E a verdade é que, quem trabalha comigo, sabe que eu nunca estou só a ouvir uma música… É impossível não dançar ou cantarolar – não me consigo controlar. Sorry

#4. // Massagens – Esta descoberta é recente para mim e está ligada à acupunctura. Diz-se que se massajarmos a orelha, desde o topo até ao lóbulo inferior, há um boost nos nossos níveis de energia. Se é meio placebo ou se é apenas psicológico? Não sei. Mas a verdade é que é bem mais discreto do que estar a cantar no meio do escritório…

Contem-me: quais são as vossas estratégias para arruinar o cansaço, sem cafeína à mistura?

CategoriesSem categoria
  1. Sara Esteves says:

    Comigo o cansaço (ou outra coisa qualquer para falar a verdade) vem com ansiedade.
    Se tenho muita coisa para fazer seja a nível físico ou mental é certinho que antes de eu estar cansada vou estar stressada xD
    o que me ajuda MUITO é escrever e esquematizar. Pôr tudo o que tenho para fazer num papel por grupos (no teu caso seria: casa, blog,trabalho…) e com os respectivos deadlines. Assim consigo perceber melhor (e acalmar!) o que tenho de fazer e quando e o que posso delegar! 😉

    A pastilha também voltou a entrar na rotina para aliviar o stress tbm! ;D e agora também vou experimentar massajar a orelha claro xD Obrigada pela dica! 😉

    e bom ano Mafalda!!!
    beijinho, Sara.

  2. Raquel Faria says:

    Sem dúvida cantarolar e dançar. Também sou das que ouve música no trabalho e não resisto a dançar "discretamente" haha 🙂
    A pastilha também ajuda 😉

Comments are closed.