H

Herdade do Reguenguinho.

No último fim-de-semana de Setembro rumámos ao Alentejo para finalmente conhecer a Herdade do Reguenguinho. Tinha este sítio em vista há largos meses mas havia sempre algo que nos trocava as voltas.
A 1h30 de Lisboa, chegámos ao Cercal do Alentejo e à paz proclamada. Se querem uns dias de descanso, de relax total e com o verdadeiro espírito alentejano, então têm que conhecer o Reguenguinho.

Optámos por ficar no quarto Vedere durante duas noites. E tal como este, a herdade tem mais alguns quartos divididos nestas casinhas de cores bem alentejanas! Tivemos a sorte de ter uma varanda com direito a cama de rede que fez as minhas delícias! 
A 30 minutos do centro de Vila Nova de Milfontes, o Reguenguinho tem o ambiente perfeito para descansar e, literalmente, não fazer nada durante uns dias. O espaço está recheado de cantinhos deliciosos que puxam à ronha – camas de rede, baloiços, almofadas, salas de chá… Tudo neste espaço respira sossego e calma – tudo o que eu estava a precisar! 



Até às 13h têm sempre um vasto pequeno-almoço à espera. A Herdade não serve mais refeições ao longo do dia mas têm uma cozinha sempre disponível para vos servir tudo o que quiserem – tostas, saladas, ovos… O que quiserem! Até porque esse é (mais) um dos pontos bons deste espaço e do seu staff – é tudo feito com uma enorme simpatia e com um sorriso no rosto!

E se tudo isto não chegar, imaginem o melhor pôr-do-sol, com aqueles tons bem vermelhos, numa piscina mesmo a pedir um mergulho? Acho que as fotos falam por si.

As minhas palavras ao sair do Alentejo, no domingo, foram “não quero ir embora daqui“. E garanto-vos que, se pudesse, ainda estava a ver o pôr-do-sol alentejano directamente daquele baloiço. Este sítio é simplesmente maravilhoso. E tenho a certeza que iremos regressar! 

Herdade do Reguenguinho
Caixa Postal 1077
Espanadal
7555 – 211 – Cercal do Alentejo
Telf.: 967 503 597 // 269 904 985
CategoriesLifestyle
  1. Bruna b says:

    Que herdade encantadora! Quero muito ir até Mil Fontes [gosto sempre de lá voltar!] e este cantinho fez questão de me lembrar que estou a precisar de sair da rotina 🙂

  2. Mafalda como eu entendo o que sentiste por lá! Também estive na semana passada no alentejo e senti o mesmo quando fiz as malas para regressar a casa… não quero ir!!
    A calma do alentejo é mesmo pura, e dá um bem estar incrível… em breve também vou contar no blog tudo sobre a minha visita a essa alentejo interior e sei como me vai fazer bem rever cada fotografia e escrever cada palavra! 🙂

    Essa herdade é encantadora, o alentejo tem destes paraísos escondidos maravilhosos!

    Dois Igual a Três

    m.*

Comments are closed.