Seja qual for a viagem que faça actualmente, o Airbnb é sempre o local de escolha para procurar o alojamento. Uma opção mais económica que os hotéis mas também mais pessoal que os hostels. E na ida ao Porto, foi aqui que encontrei este apartamento da Mariana e o seu Porta 33.

A estadia foi curta e sabia que queríamos uma coisa simples, apenas para dormir e tomar banho de manhã! E foi isso mesmo que encontrámos: um espaço super bem decorado e com o essencial para uma noite na invicta
Chegámos um pouco antes da hora do check in, mas já tínhamos gente à espera para nos receber e um quarto bem quentinho à nossa espera. É apenas um quarto e uma casa-de-banho, mas é um espaço bem acolhedor e muito confortável. E, como se não bastasse, está bem no centro da cidade, a 2 minutos a pé da Torre dos Clérigos.
Por isso, se planeiam uma ida à Invicta e não têm ainda onde pernoitar, o Porta 33 Bed&Bath é uma excelente opção! E será, de certeza, a escolha das próximas viagens. 
Quem mais utiliza o Airbnb quando viaja? Depois de duas experiências bem sucedidas, estou super fã! 
CategoriesLifestyle
  1. Krystel says:

    Eu sou fã do Airbnb. Sentir-me em casa, num espaço que é nosso nesse período de tempo em que estamos. A plataforma é tão fácil de utilizar e segura, que depois também de duas experiências bem sucedidas (vou a caminho da terceira), só tenho bem a dizer.

  2. Raquel Faria says:

    Já utilizei o Airbnb duas vezes: uma em Berlim e outra em Amesterdão e das duas vezes gostei bastante! É realmente uma excelente opção, mais barata e mais íntima.
    Adorei este quarto no Porto onde tu ficaste, parece-me lindíssimo e super bem localizado! Se eu algum dia planear ir passar uns dias no Porto, vou ter este teu post em conta! Obrigada por partilhares!

  3. Wow! A Mariana fez mudanças incríveis nos quartos. Fiquei na Porta 33 também da primeira vez que fui ao Porto passar férias em 2012! Que bom ver que ela já fez as mudanças que queria. Ficou lindo 🙂

  4. Tão bonito Mafalda!! <3
    O Airbnb por acaso nunca cheguei a usar mas fiquei hospedada num apartamento pelo homeaway em Paris e também adorei! Acho que a única vantagem é que o homeaway não tem tantas taxas como o airbnb mas de certeza que num futuro próximo irei experimentar! 😉

    m.*

Comments are closed.