É demasiado curta e vê-se imenso as pernas. Não estou bronzeada o suficiente para usar saias. Parece que não tenho nada calçado com estes sapatos. O meu cabelo está enorme e eu já não sei como o pôr. Sou horrível a fazer poses e nunca fica como eu quero. Porque é que é tudo tão difícil?

Quando, há uns tempos, disse por aqui que tenho espelhos em casa e sei o que sou, era a isto que me referia. Sou super auto-crítica e talvez a pessoa que mais julgamentos faz sobre… mim mesma! Sei que não visto o 36 – mas ei, estou a fazer por voltar ao 38! – e que não sou a típica blogger magra e inspiracional. Mas… who cares?

E por muito auto-crítica que seja, este foi um daqueles dias em que me senti mesmo confortável quando me olhei ao espelho. A saia é curta? É. Vê-se que não tenho coxas magras? Sim. Não estou minimamente bronzeada? Não.

Mas estava a utilizar a minha camisa Garance Doré para a Massimo Dutti, e acho que isso ajudou ao boost extra de confiança. Ou então sou apenas eu que começo a mudar o chip na minha mentalidade.

Camisa Massimo Dutti // Saia e sapatos Zara // Mala Coach // Anéis Juliana Bezerra // Relógio Eletta
CategoriesSem categoria
  1. BrancoRosa says:

    O que somos não se resumo ao corpo que temos, nem aparências físicas. Somos mais, muito mais que isso, e temos que o valorizar!
    Gostei da partilha.

    Beijinhos

  2. Está linda, fica linda e é linda!!!
    Receba os meus maiores cumprimentos e deixe que seja apenas o comprimento da saia, curto.

    Beijinhos e continuação de excelente trabalho no blog,insta e snap.

  3. Vânia says:

    Ando de olho nesses sapatos da zara (se não são os da zara são parecidíssimos ;D), acho-te muito inspiradora e cheia de estilo (o que mostra que se calhar ter uns quilos a mais não é tão mau quanto toda a gente quer fazer parecer, desde que sejas saudável e te cuides) e uma camisa branca é como um vestido preto… não falha nunca! Se calhar todos devíamos mudar o nosso chip e começar a deixar-nos de m***** ligando ao que realmente interessa.

  4. Cris Laborim says:

    Acho que todas as mulheres são super auto-críticas mesmo quando aos nossos olhos não têm razões para tal… Revejo-me no que dizes (há uns anos estive muito magrinha e ao engordar acabei porficar bem longe do meu peso ideal…), mas há dias que nos sentimos melhor e o espírito é mesmo "I don't care!" 😉 pena não ser todos os dias :* beijinho querida

  5. Tenho que te dizer que, a nível de looks, tu és uma das pessoas que mais me inspira. Tenho o corpo muito parecido ao teu e às vezes também visto uma saia e fico a pensar em como as minhas coxas são grandes, mas who cares? E quando venho aqui e tens fotografias de looks parecidos aos que eu uso ou como os que eu queria usar e os mostras sem problemas fico logo feliz e a sentir que devo vestir o que quero!

    Lena's Petals xx

  6. Vera Silva says:

    Gosto de ver pessoas "reais", sem retoques, sem vergonha de mostrar quem são e o que têm. Acho que estás linda assim mesmo, o look acentou-te que nem uma luva. Um grande beijinho.

  7. Bonjour Mafalda !

    Primeira vez que vou comentando o teu blog, estava a seguir-te nos Instagram !
    Fiquei a sorrir com o teu artigo… Porque a vida não é só desporto e comida "healthy". Blogs, YouTube e Instagram não ajudam nada… Vamos sempre pensando que não somos sufisamente magras, que não temos a roupa mais Fashion… Não ajuda para nos sentirmos confiantes ! Mas olha… És linda Mafalda. Sentir-se confortável e a melhor receita para sentir-nos confiantes.

    Sou uma grande fã das tuas fotos, da tua maneira de escrever também.

    Gabriela, uma francesa com o coração em Lisboa.

    Beijo de Paris !

Comments are closed.